House Smaugham

A Estrada para Porto Real

280AD

Tudo começou com um sonho estranho de Beorn Snow. Em seu sonho ele vê uma bela mulher de cabelos negros em uma grande cidade lhe oferecendo um calice prateado de vinho, dizendo: “Beba…”. Ao beber, o sonhador sente o gosto frio e amargo do vinho que queimava como fogo de sua garganta até seu estomago, proporcionando uma terrivel dor. O calice cai das mãos do personagem, e ao tocar no chão ele derrama o vinho vermelho que se escorre pelas frestas das pedras do chão como sangue. O jogador vê uma mulher, aparentemente uma prostituta, ela estava em prantos com suas mãos cobrindo o rosto. Antes que a dor se torne insuportavel o jogador acorda.

Logo era dia, e os jogadores (Beorn, Chef Apache, Magnus, Makrau e Stinksy) haviam sido convocados por Lorde Tyckon que os informou sobre um convite para um torneio que aconteceria em Porto Real, e os enviou junto com eles o meistre da casa e seu filho mais velho.

Durante a viagem, eles encontraram corpos que estavam sendo devorados por 5 lobos. Depois de um arduo combate com os lobos, os jogadores analisaram os corpos e concluiram que eles não haviam sido mortos pelos lobos, mas sim por facas, e que eles não haviam resistido, chegando a conclusão de que eles poderiam estar dormindo na hora da morte.

Após mais algumas horas tranquilas de viagem os jogadores chegaram a uma estalagem. Todos que estavam na estalagem agiram de forma grosseira e até mesmo hostil com os viajantes ao ver o simbolo do Urso em Chamas da Casa Smaugham. Apesar de não descobrirem o porquê daquilo, eles conseguiram informações sobre os homens que foram encontrados mortos. Aqueles homens era mercenarios contratados pelo Cavaleiro da Raposa, Lorde Clayton Archay, naquela estalagem.

Os jogadores decidiram esconder o brasão de sua casa e continuaram a viagem. Na estrada eles ouviram rumores sobre uma acusação que Adham Dannet estava fazendo, Adham é o primogenito da familia Dannet que é aliada dos Bolton (inimigos dos Smaugham). Segundo Adham, os Smaugham haviam mandado soldados atacar uma fazenda dos Dannet e matar os fazendeiros que trabalhavam lá.

A noite os jogadores chegaram na famosa estalagem “O Grande Dragão”, onde eles encontraram Hamish Flowers (O unico mercenario vivo do grupo contratado por Archay) e Hog Thanders (Um comerciante que viajava para Porto Real). Beorn intimidou Hamish e descobriu que o Cavaleiro da Raposa contratou os mercenarios para atacar a fazenda dos Dannet e utilizou um escudo com o Urso em Chamas desenhado, e logo depois matou todos os outros mercenarios enquanto eles dormiam. Chefe Apache, bebado, ouviu rumores com Hog Thanders sobre Marita Lugus, “A Viuva Negra”, que após a morte de seu segundo marido estava noiva de outro homem, sobre coisas que Hamish Flowers havia gritado para todos ouvirem, e sobre as acusações de Adham Dannet.

Na manhã seguinte, o grupo voltou a viajar. Eles levaram Hamish Flower (que temia pela propria vida) para dar seu testemunho ao rei em relação às acusações, e Hog Thanders, que havia pedido para acompanhar o grupo até Porto Real. No caminho eles foram atacados por 4 jovens que utilizavam o simbolo da Flecha da Familia Dannet. Durante a confusão uma flecha foi lançada do meio da mata e atingiu o Hamish, matando-o. O combate foi relativamente facil, pois os jovens eram bem fracos, dois deles se renderam e alegaram ter sido contratados por Alfric Dannet. Ao ler a carta que um deles possuia, o Meistre Rudolph percebeu que a carta era forjada, que aquela não era a letra de Alfric.

O grupo decidiu levar os dois jovens para Porto Real. Ao anoitecer eles chegaram aos portões da capital do reino

Comments

Bezerra42

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.